• Baby Passinho

Gagueira - Quais são os sintomas? Qual é o melhor tratamento?



Segundo o Dr. Drauzio Varella, gagueira é um distúrbio da fluência da fala. Os núcleos de base precisam estabelecer a intercomunicação entre diferentes áreas do cérebro, o que permite a execução de atos motores complexos. Quando essas estruturas não funcionam adequadamente, entre outros problemas, podem interferir na sequência motora da automatização da fala, ocasionando os alongamentos, bloqueios e repetições da fala próprios da gagueira.


"Na verdade, a pessoa gaga sabe perfeitamente o que quer dizer, mas não consegue ajustar o tempo e a duração dos sons. Isso faz com que repita ou prolongue a emissão de uma consoante, de uma vogal ou de uma sílaba, ou, então, que interrompa a fala diante de um som que considera de risco para articular sem tropeços. Nesses momentos, muitas vezes, ao perceber que vai gaguejar, a pessoa consegue substituir essa palavra por um sinônimo que não apresenta a mesma dificuldade de pronúncia." - Dr. Drauzio Varella




PRINCIPAIS SINTOMAS


- Prolongamento de sons. O som é emitido por maior tempo do que o esperado. Por exemplo: “Aaabra a porta, por ffffavor”;


- Bloqueios de sons, ocorrem quando um som fica impossibilitado de ser articulado. Por exemplo: “(alguns momentos de silêncio) Abra a porta, por favor”;


- Repetição de sons e sílabas. Por exemplo: “A-a-bra a porta, por favor”;


- Troca de palavras durante a fala. A pessoa que gagueja vai dizer uma palavra e antes de fazê-lo percebe que irá gaguejar, por isso troca a palavra. A questão da gagueira está no gesto pré-motor. Ela recebe pistas ao redor de 450 milissegundos antes de que aquele determinado som não será articulado. Por exemplo, ela ia dizer “por favor”, mas ao notar que irá gaguejar na palavra “favor”, diz “por obséquio”;


- Uso mais frequente de interjeições. Por exemplo: “tipo assim, então, né?!” Simplificação de frases. Acontece quando a pessoa recebe pistas motoras de que vai gaguejar percebe que vai gaguejar com em determinada palavra e decide tirá-la ou substitui-la por uma articulatoriamente mais simples da frase;


- Dificuldade em iniciar uma palavra, frase ou expressão;


- Excesso de tensão para produzir uma palavra ou som;


- Ansiedade em iniciar a fala, devido às sucessivas experiências com a fala gaguejada;


- Capacidade limitada para se comunicar de forma eficaz;


- Movimentos motores involuntários como: tensões faciais, tremores de lábios, mandíbula, piscar de olhos, entre outros.




TRATAMENTO


É importante que se deva notar algumas características antes de procurar o fonoaudiólogo, profissional especializado em gagueira. São elas:


- Quando a gagueira durar mais do que oito semanas;

- Quando tiver acompanhada de outros problemas de fala e linguagem;

- Quando a quantidade de rupturas ou sua intensidade aumentarem ao longo do tempo, mesmo antes das oito semanas;

- Quando tiver visivelmente com dificuldade de falar;

- Quando afetar a capacidade da criança de falar;

- Quando causar dificuldade emocionais, como estresse ou ansiedade.


Existem vários níveis de gravidade para a gagueira, dependendo do caso e do diagnóstico precoce, é possível fazer sessões de tratamento com um fonoaudiólogo, para exercitar e praticamente curar o problema. No entanto, se o tratamento for iniciado muito tardiamente, torna-se difícil reverter o distúrbio.


FONTE: Cevisa

8 visualizações

Insitucional

Sobre Nós

Nossa História

Missão, Visão e Valores

Estrutura

Níveis

Berçário

Infantil

Endereço

Av. Dr. Carlos de Moraes Barros, 726 

 Vila Campesina, Osasco

Telefone: 11 2359-5694

  • YouTube - White Circle

© 2020 produzido por Oreo Consultoria em Marketing

Aprovação Vigilância Sanitária CEVS:  353440 10 851 001302-0-6
Berçário- Registo do MEC 35-565556
Ed. Infantil – Registro do MEC 35-565568