November 4, 2019

October 31, 2019

October 29, 2019

October 23, 2019

Please reload

Posts Recentes

Brincar ao ar livre só faz bem

October 16, 2019

1/10
Please reload

Posts Em Destaque

Fim das férias! Como readaptar as crianças de volta à escola?

December 27, 2017

 

As férias acabaram e com ela a necessidade de voltar à rotina e retomar uma agenda nem sempre esperada pelas crianças. Assistir aquele programa de televisão favorito sem hora para acabar e não ter lição de casa para fazer, agora só nas próximas férias ou em algum feriado prolongado, pois a rotina voltou com força total.

 

DE VOLTA À ROTINA
Antes mesmo das aulas começarem, o ideal é a rotina seja reajustada gradativamente para que seu organismo volte a se acostumar com a rotina, ou seja, estabeleça novamente horários para dormir, se alimentar e brincar.

 

DE VOLTA À ESCOLA
Os pais que conseguiram passar o mês de férias com os filhos, também precisam controlar a própria ansiedade da separação. De acordo com especialistas, as crianças costumam se adaptar com facilidade e os pais devem levar isso em consideração.
Caso o retorno seja doloroso e complicado de ser aceito deixe que a criança leve um brinquedo para a escola, mas lembre-se de conversar com a direção e o professor antes. Para a criança que está em processo de adaptação novamente no ambiente escolar ter um brinquedo por perto causa um efeito de objeto transicional, onde ele é levado de dentro de casa para dentro da escola, auxiliando no processo de readaptação e também na sensação de segurança.
Lembre os pequenos que o tempo junto não terminará com o fim das férias, caso ele ainda resista ao retorno das aulas, deixe claro que o final de semana logo chegará e que vocês poderão aproveitar.

 

 

ATENÇÃO AOS SINAIS
Caso a criança mostre mais tristeza que o normal com o fim das férias, vale fazer uma supervisão da rotina.
O importante é tentar manter contato constante com a escola e com os amiguinhos. Tente criar vínculos com os professores e os pais também, eles serão grandes aliados para apontar algo de errado no comportamento da criança.

 

É bom lembrar sempre da necessidade do preparo para a retomada da rotina. Quando as crianças não têm esse preparo elas ficam mais lentas e irritadas, isso porque o funcionamento biológico está novamente se adaptando com as mudanças.

 

Fonte: Delas